Onde a dignidade se faz

outubro 21, 2012

Existem ações que emprestam dignidade ao ser humano. Cozinhar o próprio alimento e lavar as próprias roupas. Se dermos um passo além, digno é aquele que planta o próprio alimento e costura as próprias roupas.

Dignidade está muito ligado a seriedade. E seriedade a um semblante fechado. E semblante fechado a mau-humor e agressividade.

Pois eu acho o sorriso muito digno e a agressividade  e o mau-humor indiscriminados sinais de destempero.

Há muito dignidade na fala mansa e no abraço acolhedor. Há dignidade no sorriso sincero.

(Não há grandes formas para a dignidade, há atos. )

Há dignidade em fazer o bem – o que é o bem? -, onde quer que se encontre. Há dignidade em saber o valor das coisas. Há dignidade em saber o valor da vida.

 

Há dignidade também em esbanjar: há dignidade em esbanjar alegria e afeto.

 

 

Anúncios

Carta a um coração que espera

outubro 14, 2012

Caro amigo,

Espero que esta carta o encontre bem.

Não pude deixar de notar uma certa urgência na sua última correspondência. Entendo a pressa que a sua juventude exige e sei que as esperas entre uma carta e outra o angustiam. Entretanto, elas me parecem indispensáveis. Esses silenciosos hiatos são o tempo necessário para o amadurecimento. Sinto que você cresce a cada linha – e eu também. Gosto de pensar que a lentidão das cartas me tornaram sábia mais rápido.

Sei que aguarda uma resposta minha e por isso resolvi escrever não sem alguma hesitação.

A cada conversa, a cada carta o descubro surpreendentemente sensível. Por isso cresce ainda mais meu medo de magoá-lo.

Por não querer ferir seus sentimentos, escrevo esta carta como um alerta:

Não espere mais de mim.

Tudo que lhe posso dar é isto: uma carta sem respostas.

Sei que aguarda por estas palavras, e sei que não era isso que queria ler. Contudo, isso é tudo que tenho para oferecer e que precisava ser dito.
Compreenderei se a minha amizade não o interessar mais a partir destas linhas.

Fica com o melhor do meu afeto.


%d blogueiros gostam disto: