Manauara ou Manauense*

Toda cidade ou região tem vocábulos que a caracterizam. Manaus não escapa a regra, pelo contrário, o vocabulário de
Manaus é tão vasto que tem até nome: Amazonês.

Em Manaus, bombom é bala e bala pode ser outra coisa (vide bala de cupuaçu). Cuidado quando o prato tiver mangarataia, afinal, pode ser que você não goste tanto assim de gengibre… Se a comida tiver murupi é melhor nem arriscar – a não ser que você seja muito fã de pimenta.

Pedir um guaraná pode ser um dilema, já que poderá escolher entre Real, Baré, Magistral, Regente…
todos refrigerantes de guaraná, cada um com um sabor diferente.

Bombom – aquele de chocolate – pode ter recheio de: açaí, bacuri, buriti, cupuaçu, araçá-boi, camu-camu… Também pode
ter recheio de castanha da amazônia – nunca chamada de castanha-do-Pará porque “se for do Pará rouba o gosto”, já que
em Manaus “paraense” é sinônimo de ladrão**. Aliás, chamar alguém de paraense em Manaus é xingamento – e dos piores! -, sendo, inclusive, a causa declarada de algumas mortes.

Rotatória é bola; lagartixa é osga; mosquito é carapanã; cajá é taperebá; grande é maceta; pivete é galeroso; idiota é leso e idiotice é leseira.

Costas é costa com toda a conjugação decorrente da retirada do “s”. Ponto de ônibus sempre será parada de ônibus, e é
melhor não se confundir e dizer que vai para o ponto porque ponto é outra coisa.

Se falarem que você é pai-d’égua não se preocupe: não estão te chamando de cavalo. O que estão dizendo é que você é
muito legal.

Maninho é uma espécie de vocativo do tipo “cara”, mas é de um jeito carinhoso. Alias, se você gosta de carinho pode ir
a Manaus, que lá todo mundo é chamado de querido, amado, amor…

Garantido e Caprichoso são mais do que adjetivos e, se alguém perguntar “qual é o seu boi?”, cuidado para não dizer o
nome do seu marido… Se for convidado para ir aos currais dos bois, provavelmente não estão o chamando para ir a uma
fazenda e sim a um ensaio de Boi-Bumbá. Se aceitar o convite é melhor não falar o nome de um boi no meio da torcida do outro. Ao invés do nome, o boi concorrente é sempre chamado “o contrário”. E a torcida de boi é a galera.

Inverno não é uma época do ano em que faz frio, mas sim em que chove muito. E seca não é uma época em que não chove e sim quando chove um pouco menos. É por isso que a Amazônia é chamada de “rain forest”. Frio, em Manaus, é um conceito abstrato e distante e sua definição só é possível com auxilio da tecnologia: frio é aquilo que você sente quando o ar-condicionado está no máximo.

“Morreu de colar” pode ser algo como “estou dentro” ou “já é”, se é que você me entende. Até o tucupi significa “até o
talo” – isso está ficando complicado…

Pirarucu a casaca não é um peixe vestindo smoking.

Farinha com peixe é uma delicia, mas cuidado para não quebrar o dente com a farinha do Uarini, típica da região. Aliás,
em Manaus se come qualquer coisa com farinha. Tanto é assim, que farinha com água e açucar é um prato típico que tem até nome: chibé.

Adultos chamam o intervalo para lanche de merenda – sim, igual no jardim de infância – e pai e mãe sempre serão
papai e mamãe, independente da idade do filho, em um falar tão carinhoso que enche de ternura filial o desavisado interlocutor!

Maninho, se você leu até aqui você é pai-d’égua!

E se estiver se perguntando como foi que eu aprendi tudo isso, a resposta é simples: barezei até o tucupi!


*  Este texto é uma descrição de algumas peculiaridades da linguagem manauara que me chamaram a atenção (algumas delas compartilhadas por outras partes da região norte). Este texto é uma forma que de valorizar essas diferenças e marcar este momento especial da minha vida em que resido em Manaus.  
** Isso é um fato linguístico, nesse texto não estou fazendo juízo de valor.

Ps.: Esse post foi sugestão do grande @inagaki do Pensar Enlouquece.

Ps2.: Consultei o livro Amazonês do prof. @sergiofreire para fazer esse post.

Anúncios

26 Responses to Manauara ou Manauense*

  1. Karoline Araujo disse:

    Hahahaha! Muito engraçado…falamos assim mesmo!
    Acrescentaria só mais uma palavra que não encontrei no livro do prof. Sério Freire e é muito usada por nós, manauras: Gaiato! Quando nos referimos à uma pessoa “pra frente demais”, esperta e engraçada, ao mesmo tempo..

    Parabéns pelo post.

    • Marcela Ortolan disse:

      Seja Bem-vinda Karoline,

      Manaus é uma delícia de vocábulos e sabores diferentes. Como eu já usava gaiato antes de vir para cá, não estranhei.

      Grate pelo comentário. 🙂

    • belz!nhaw 'santos *manauara* disse:

      cara nad v isso vcs simplismente naw podm sai julgundo agende assim ta so pq nos e assim e otra nos n falamos pai d’egua ooooooooooooooo…………….

  2. Rafael Nolli disse:

    Quanta riqueza espalhada por todo esse imenso e belo país!
    Abraços, Maga!

  3. Julia Farias disse:

    Pois é, qdo cheguei nessa terra, eu fui buscar cabide (aquele negócio de pendurar roupa e a menina ficou com uma cara de espantada no mercado, qdo perguntei se tinha. kkk

    Qdo eu achei o “cabide” ela disse: meu amor isso é cruzeta.

    • Marcela Ortolan disse:

      É mesmo! Depois que escrevi esse texto já lembrei de vários termos que ficaram de fora!! É bastante divertido o jeito de falar desta terra que nós adotamos e que nos adotou, né?
      Beijos

  4. Saudades de Manaus. Infelizmente não fui tão bem recebida pela população local, mas é um lugar fascinante. =)

    • Marcela Ortolan disse:

      Nem sempre é muito fácil adaptar-se a uma nova cultura, e setores como atendimento ao público costumam concentrar bastante reclamações.

  5. […] Entenda o que se fala em Manaus: Manauara ou Manauense* – Um jeito de falar muito peculiar #dd_ajax_float{ background:none repeat scroll 0 0 #FFFFFF; border:1px solid #DDDDDD; float:left; margin-left:-120px; margin-right:10px; margin-top:10px; position:absolute; z-index:9999; }jQuery(document).ready(function($){ //put content div class, when scroll beyond this y, float it var $postShare = $('#dd_ajax_float'); if($('.dd_content_wrap').length > 0){ var descripY = parseInt($('.dd_content_wrap').offset().top) – 20; var pullX = $postShare.css('margin-left'); $(window).scroll(function () { var scrollY = $(window).scrollTop(); var fixedShare = $postShare.css('position') == 'fixed'; //make sure .post_share exists if($('#dd_ajax_float').length > 0){ if ( scrollY > descripY && !fixedShare ) { $postShare.stop().css({ position: 'fixed', top: 16 }); } else if ( scrollY < descripY && fixedShare ) { $postShare.css({ position: 'absolute', top: descripY, marginLeft: pullX }); } } }); } }); jQuery(document).ready(function($) { window.setTimeout('loadGoogle1_9100()',1000);window.setTimeout('loadTwitter_9100()',1000);window.setTimeout('loadFBShareMe_9100()',1000); }); function loadGoogle1_9100(){ jQuery(document).ready(function($) { $('.dd-google1-9100').remove();$.getScript('https://apis.google.com/js/plusone.js&#039;); }); } function loadTwitter_9100(){ jQuery(document).ready(function($) { $('.dd-twitter-9100').remove();$.getScript('http://platform.twitter.com/widgets.js&#039;); }); } function loadFBShareMe_9100(){ jQuery(document).ready(function($) { $('.dd-fbshareme-9100').remove();$('.DD_FBSHAREME_AJAX_9100').attr('width','53');$('.DD_FBSHAREME_AJAX_9100').attr('height','69');$('.DD_FBSHAREME_AJAX_9100').attr('src','http://widgets.fbshare.me/files/fbshare.php?url=http://livroseafins.com/notas-aprenda-a-digitar-mais-rapido-brincando/&size=large&#039;); }); } jQuery(document).ready(function($) { if($(window).width()> 790){ $('#dd_ajax_float').show() }else{ $('#dd_ajax_float').hide() } $(window).resize(function() { if($(window).width()> 790){ $('#dd_ajax_float').show() }else{ $('#dd_ajax_float').hide() } }); }); ; […]

  6. Marcela Ortolan disse:

    Se minha carreira de blogueira encerrar por aqui já posso me dar por satisfeita… rs

  7. Virgílio SIPAM disse:

    hahahahah
    Boa!
    Já vi uns 3 shows do Nicolas Jr., que você colocou aí.
    Achei bem legal, tirando o fato dele detonar quem é de fora e ser de Santarém.
    😀

  8. Reinaldo disse:

    Parabens pelo video e que essa banda continue levando o amazones muito bom…

  9. eltonpaes disse:

    Legal, nosso país tem vastas culturas, tantos significados linguísticos diferente, mas que no final, todos se entendem^^, que é lindo. Apesar de tantas desgraças, eu amo meu país. By EltonPaes From Cgr-MS

  10. eltonpaes disse:

    Legal, nosso país tem vastas culturas, tantos significados linguísticos diferente um do outro, mas que no final, todos se entendem^^, que é lindo. Apesar de tantas desgraças, eu amo meu país. By EltonPaes From Cgr-MS

  11. 3lue3renda disse:

    Lindo, expôs nossa cultura tão peculiar de uma forma doce, de quase admiração sem nenhum preconceito. Amei, e pra todo manauense ou manauara eu vou recomendar esse texto, uma visão de alguém que não é de manaus mas tem plena certeza de que aqui não vivem somente índios. Marvelous 😉

  12. Vanessa disse:

    ahah sou paraense e nao sou ladra, nada a ver esse papo d ladrao… Ladrao tem em tooodos os lugares….
    “nao é pra se generalizar”

  13. Estava pesquisando se o correto é manauara ou manauense e achei este texto maravilhoso, me deu uma saudade de Manaus… de Boa Vista também…

  14. Raquel Cruz disse:

    Só faltou o gaiato, e o rum, quando a pessoa faz o rum como resposta de algo dependendo da entonacao, pode ser muito bom ou muito ruim kkk
    #amazonesmerepresenta

  15. Alvaro Cesar Dolens disse:

    Ei Marcela, espetacular! Parabéns, viu gaiata!

  16. Kelry Prado disse:

    Nooooossa, rachei de rir! Falamos dessa forma mesmo… Maninha, vc arrasou com esse texto, viu?! Adorei! Parabéns!!!!! bjs

  17. Tissiana disse:

    Gostaria de parabenizá-la!
    Li o seu texto e confesso que gostei muito!
    Em meio a risadas, me senti lisongeada com elogios aos manauenses no decorrer do texto.

    Show mana! rsrsrrs

  18. Jéssica disse:

    Que texto maravilhoso, morei em manaus por 9 anos, e estou a 6 no Rio, bateu uma saudade tão grande agora ❤

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: