O melhor presente

Há algo de fascinante em escrever. Apesar de precisar de um mote, um tema, um motivo, enfim, uma inspiração é só na hora em que a caneta encontra o papel e os rabiscos ganham significado que descobrimos os caminhos de nossas ideias.

Há um prazer em jogar com as palavras, em advinhar qual qual será a próxima letra, em tornar-se leitor da própria mão.

Há uma ternura que invade o ar ao ver um pensamento tornar-se físico.

Há muita vida para ser contada.

Ao ganhar uma caneta, ganhei possibilidades.

Anúncios

One Response to O melhor presente

  1. Djabal disse:

    “E quantas vezes

    o coração

    explode

    e não se ouve

    a explosão

    que o sacode.

    Nicolai Assiéiev também, pelo visto, teve uma visão parecida ao pegar a caneta dele. Beijos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: